quarta-feira, 11 de dezembro de 2013

Entrevista com Bianca Augusta


Buenas, gurizada!! Novo post com entrevista, esta anunciada já a algum tempo, levemente demorada mas de fácil apreciação. Converso com a menina Bianca Augusta Zanette dos Santos, estudante do curso de games da FEEVALE, da cidade de Novo Hamburgo e artista cheia de talento. Com muita dedicação, ela constantemente nos apresenta belas cenas e personagens cheios de carisma, sempre buscando aperfeiçoar o seu trabalho. Sem mais rodeios, vamos à conversa:
-----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
Então, Bianca. Se apresente, fale um pouco sobre você e como surgiu este gosto por arte:
Beleza, meu nome é Bianca Zanette e tenho 21 anos. Sou nativa de Porto Alegre, mas divido meu coração com a cidade litorânea de Torres, onde vivi minha infância. Sobre a admiração por desenho, eu mencionei Torres justamente por causa disso: começou aí nessa cidade, quando eu ainda lembro de desenhar sempre depois da escolinha, na minha mesinha de desenho, aquelas bem pequenininhas para crianças onde passava um tempão sozinha no quarto só rabiscando, eu devia ter entre 4 e 5 anos de idade.

Minha mãe foi muito importante para mim nesse desenvolvimento, pois além de pedagoga especializada em crianças pequenas, ela havia também feito escola de animação com o professor Otto Guerra e tinha já algumas noções de ilustração. Assim ela me incentivava a desenhar com muitos elogios/críticas, comprando materiais de desenho e forrando as paredes do meu quarto com papel depois de alguns estragos desenhos que fiz nas paredes de casa da minha avó, hahahaha. Eu gostava de desenhar cenas engraçadas, com várias situações acontecendo ao mesmo tempo, meus principais personagens eram dinossauros e animais (em especial, gatos). Gostava muito de criar histórias em quadrinhos, inspirada pelas HQs da turma da Mônica. Isso perdurou até eu me mudar para Porto Alegre novamente e continuar desenhando (agora com rivais de desenho na turma) e quase rodar em algumas séries por desenhar em horas inapropriadas, esquecendo de copiar o conteúdo do quadro ou prestar atenção nas matérias. hahaha
 
Desenho aos 6 anos
-----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
E da criança que rabiscava nas paredes da casa da avó e em tudo o mais que estivesse pela frente até decidir estudar desenho pra valer, como foi?
Eu sempre tive desenho na minha vida, mas pretendia ser muitas outras coisas totalmente fora dessa área. Por muitos anos quis fazer paleontologia, depois medicina, e por fim biologia, curso que tentei passar na UFRGS. Não passei, então fui fazer cursinho durante um ano. Foi um ano bastante ocioso, sem muita motivação do que eu queria, pois minha escolha em fazer biologia era apenas uma opção escolhida sem pensar. Era só um curso que estava na lista da UFRGS e, como não havia opção melhor, acabei optando.

Nesse mesmo ano,entretanto, fui em um evento em Porto Alegre e acabei me deparando com um estante chamado "Curso de Jogos Digitais". Minha avó já tinha tentado me incentivar a fazer o curso, mas na época eu não havia me interessado muito (e eu não sei bem o motivo). Fui conversar com os responsáveis, descobrindo que talvez tivesse encontrado um curso que estivesse mais de acordo com o que eu gostaria de fazer, ainda mais sabendo da informação mais importante: "Este curso é mais focado em arte, tem bastante coisas do gênero envolvidas!". E foi assim que entrei na FEEVALE, com a motivação de fazer arte para jogos.

Outros cursos de artes não me interessavam, pois eu só conseguia enxergar uma arte muito específica e linear para eles. Já em jogos digitais, eu teria a oportunidade de fazer não só ilustração, e sim pintura, música, animação e modelagem 3D. 


 -----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
Foi desta forma que tu acabou se encontrando então?
XD Bastante perdida no início, mas depois consegui um caminho ao menos ^^
Vejo muitas pinturas digitais suas, geralmente fan arts como da Jinx e Pokemon, e eu sei que você também curte animar. Quais são as coisas que você gosta de fazer?
Amo criar personagens e desenvolver personalidades para eles. Da mesma forma, adoro passar horas pintando ilustrações digitalmente e estudar estilos diferentes de pintura digital na internet. A maior parte das coisas que gosto de fazer são digitais, usando uma mesa digitalizadora, mas quando não tenho isso vou pro clássico papel e lapiseira mesmo haha.

Aprecio muito estudos em sketch, já que não tenho muito tempo diário para produzir coisas mais elaboradas sempre. Se não pode fazer algo completo, o que importa é não perder o ritmo! Se nem assim posso desenhar, também opto por apenas buscar na internet por ilustrações de artistas e bagunçar minha área de trabalho salvando todas as obras que encontro pelo caminho haha. Quando o assunto é animação, também me empolgo muito, apesar de não ser o meu foco. Atualmente, estou trabalhando no TCC em grupo no curso de jogos, e neste projeto teremos muitas animações com personagens em 2D em ambientes 3D. Vai dar bastante trabalho, nossa maior referência de animação é do jogo indie Skullgirls!
 

-----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
Você está concluindo a faculdade e trabalhando. Como faz para conciliar o trabalho com a vida acadêmica e ainda ter tempo para praticar?
 Pra conciliar tudo e continuar treinando ilustração eu geralmente aproveito cada momento que tenho, também madrugando um pouco se me empolgo. O único problema mesmo é chegar na sexta-feira viva ainda...hahaha

Eu tenho que admitir, tive que deixar várias coisas de lado, como meus momentos preciosos aproveitando um bom jogo. Mas são escolhas que fazemos e o que consideramos prioridade definem a nossa rotina. Claro, não faz mal nenhum atirar tudo pro alto de vez em quando e se divertir com entretenimento.


-----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
Como é o seu processo de trabalho?
Adoro desenhar de madrugada (acho que é um gosto geral esse), mas também adoro muito ilustrar em ambientes familiares ou lugares onde tenham várias pessoas fazendo suas coisas normalmente, como em sala de aula, por exemplo, onde conheço todos os meus colegas e me sinto a vontade perto deles. É bem aconchegante desenhar durante as aulas!

Gosto de desenhar em algum lugar confortável, geralmente com bastante espaço pra espalhar minhas coisas. Como levo meu note e tablet para todos os lugares, basta encontrar um lugar legal pra instalar as "maquinárias" e pronto hehe. Musiquinha e fone de ouvido é uma boa pedida, assim como um copo de café com leite.




-----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
Alguns desenhistas almejam trabalhar com quadrinhos, outros com ilustração, animação, etc. Com o que você tem vontade de trabalhar?
Meu objetivo não é nenhuma estrada reta e exata a ser traçada. Confesso que não gosto muito disso porque pode acabar cegando possíveis mudanças de rumo. Eu não estou muito conectada com o final da minha jornada, considero muito mais importante o percurso dela. Minha maior vontade/paixão é aprender cada vez mais sobre arte como um todo, em tudo o que eu puder descobrir e me aperfeiçoar.


-----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
Cite 5 artistas, somente 5 e nenhum mais que são referência para o seu trabalho:
Deu uma dó ter que escolher apenas 5…sério, muita tristeza no coração haha. Os artistas que listei aqui são os que lembrei hoje, todos possuem artes muito boas mesmo!

Kyrie - técnicas de pintura muito boas
http://kyrie0201.deviantart.com/gallery/ 

Krenz - sou apaixonada por esse, amo as ilustrações e as técnicas de pintura
http://cushart.deviantart.com/  

Zedig - gosto das cores e brushes que esse artista usa, as ilustrações são bem diferentes também
http://zedig.deviantart.com/ 

Akihiko Yoshida - concepts artist que particiou de diversos games da franquia Final Fantasy...preciso dizer mais alguma coisa?
não achamos um link :/

Otto Schmidt - ilustrações diferentes, tem um estilo muito massa! As pinturas também são ótimas
https://www.facebook.com/pages/Otto-Schmidt-Art/165066126960075
 


-----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
Bianca, muito obrigado pelo seu tempo. Uma última coisa, o que você diria para as pessoas que estão na mesma estrada que você, buscando trabalhar com arte e uma colocação neste mercado?
O que eu diria pras pessoas...hum, acho que os meus melhores conselhos são: Estudem! Sempre! 
Um pouquinho cada dia, sempre tentando algo diferente.

Outro conselho: Vivencie diversidades! 
Filmes, livros, passeios em lugares diversificados, jogue. Estude áreas diferentes também, escultura, por exemplo. Quanto mais expandida a sua mente, mais conhecimento. E meu último conselho é não entrar em desespero olhando para as artes mais desenvolvidas dos outros. A única diferença entre você e o profissional é tempo de práticas, acertos e , principalmente, falha.
-----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
Bueno gurizada, esta foi a conversa que tive com a Bianca, espero que tenham gostado. Se quiserem acompanhar o trabalho dela, seguem abaixo os links com suas galerias e seu contato. No más, hasta luego, indiada!!

Portfolio:
http://biancaazanette.wix.com/biancaarts

Facebook page:
https://www.facebook.com/biancaarts

e-mail:
biancaazanette@gmail.com
 
-----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------





4 comentários:

Gabriela Dreher disse...

Show de bola, a entrevista e os trabalhos! =D Bianca manda muuuiiito! ;)

Anônimo disse...

Show!!!!

Black Gold disse...

Ótima entrevista. Amei a arte dela! *-* Acho que várias coisas que ela disse são úteis pra mim. Haha XD

Charles Moreira disse...

Que bom que vocês estão curtindo a arte da Bianca e a entrevista com ela. A ideia era justamente mostrar alguém jovem e que está buscando um rumo e colocação profissional. Ela é um retrato do que passam muitos jovens que estão na dúvida sobre que área profissional investir e está exercitando a cada dia para melhorar seus trabalhos.

Em breve mais entrevistas, galera.