sexta-feira, 7 de março de 2014

Espero que o Charles do passado esteja contente


Buenas, gurizada! De volta por aqui, trazendo uma brincadeira nostálgica. Sabe, muitas vezes me pego olhando para meus velhos desenhos, aqueles do tempo em que eu ainda nem pensava em trabalhar com games. Eram desenhos sem outras pretensões que não fosse a de "ficar legal". Pegar o lápis e rabiscar em uma folha algum monstro, ou guerreiro, ou o Wolverine, não porque era para ganhar uma grana, mas porque iria ficar massa.

Ainda faço desenhos assim, mas tomando a liberdade de parecer poético (ou patético), eles não tem a mesma inocência. Antigamente eu desenhava personagens com grande parte do corpo desprotegido como eram na grande maioria das revistas do Conan, e hoje eles tem que ter armaduras, roupas, mil facas, espadas saindo por todo lado, mochila, ornamentos.. isto demora e é chato.

Mas hoje tomei a liberdade de me dar um bom tempo para estudar, e ao buscar algo para pintar, revirei meus velhos desenhos de 7, 8 anos atrás ou mais, e confesso que as vezes eu penso que para certas coisas eu até desenhava melhor naquela época. Embora hoje eu me sinta muito mais maduro, naquele tempo eu arriscava mais, forçava mais movimento nas imagens, arriscava mais ângulos, e hoje a falta de tempo as vezes me impede de fazer muito disso. Mas hoje...

Hoje eu olhei para o meu eu de 7 anos atrás e pensei: tá bom guri, isto estava bem legal, vamos finalizar esta brincadeira! E assim passei algumas horas nostálgicas trabalhando em um velho desenho que retrata o Guildor em ação. Um desenho do meu último ano em Bagé antes de arriscar e partir com 600 reais no bolso para Florianópolis para tentar trabalhar com games.

Ainda não é a melhor das pinturas, mas curti bastante o resultado, e acredito que o Charles de 24 anos esteja contente, também. E talvez o Charles do futuro olhe para esta pintura um dia e pense: ok guri! Isto está legal, vamos fazer uma cena com isto.............. ou uns quadrinhos com isto........... quem sabe?!?!

Hasta luego, indiada!!

2 comentários:

Cris Machado disse...

Mas tem uma coisa engraçada que eles tem muito em comum nesses Charles tanto do passado como o do presente e até mesmo o do futuro. É o grandessíssimo talento que apenas aumenta, cada vez mais. É isso aí abração professor! Siga publicando!

Charles Moreira disse...

Grande Cris!! Muito obrigado pelas palavras. O Charles do passado, o do presente e o do futuro agradecem!!